Festival Bananada se renova ano após ano

Na primeira noite no shopping Passeio das Águas, o festival de rock, Bananada, chegou com grandes surpresas. Um espaço muito bem explorado pela organização e com boa disposição dos estandes, o festival mais uma vez se consagra e ganha espaço com os crushs da música rock, pop e alternativa.

Os palcos Sympla e Catuaba receberam nomes já conhecidos da cidade como Overfuzz que trouxeram a energia e a qualidade que todos nós já estamos acostumados. A grande e boa surpresa ficou marcada na voz doce de Nina Fernandes. Com ukulele a jovem mostrou boa presença de palco e uma voz forte, muito meiga e suave, chegando a executar com excelência Taylor Swift.

Ainda no final da noite a DJ Donna mexeu com as estruturas do shopping cerrano, e não parou, as boates Diablo e El Club deram sequência no Bananada. Na noite de hoje ainda teremos Gilberto Gil e Emicida.

Confira as fotos de ontem:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Duas décadas de sucesso

O Bananada celebra 20 anos de história em 2018. Como uma expoente janela para a música contemporânea mundial, o Bananada está há duas décadas no roteiro de festivais brasileiros. Em toda sua história, o evento sempre se preocupa em realizar um intercâmbio e encontro através da agenda de shows com nomes atuais e importantes da música brasileira, intercalando com atrações internacionais, no meio do Brasil.

E pela primeira vez o festival se passa no Passeio das Águas Shopping, num espaço que trouxe várias propostas visuais, arquitetônicas e artísticas dentro do mesmo festival. “Em 2018, o Bananada vai acontecer não apenas ao ar livre. Teremos parte do festival acontecendo indoor. Serão experiências diversas dentro de um mesmo festival. Ambientes múltiplos para atender toda a paleta de público que o Bananada recebe”, aponta o arquiteto W Leão Ogawa.

Acompanhe com o Goianidades tudo que acontece no #Bananda2018

 

Foto e Texto: André Barbosa

Andre Barbosa
About Andre Barbosa 14 Articles
Jornalista, músico e palpiteiro político-econômico. Estudante-pesquisador de direitos humanos, gênero e marcadores sociais.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*